Páginas

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Matriz de Santa Luzia esteve superlotada na sétima novena nesta quinta feira

Aconteceu na noite desta quinta feira, 10 de dezembro, a sétima novena da Festa de Santa Luzia 2015. A novena foi presidida pelo padre Elias Ramalho Gomes e teve como pregador o padre Fabrício Timóteo da Paróquia Nossa Senhora da Conceição em São Mamede. Concelebraram também o padre Bento Oliveira.

A novena foi rezada na intenção pelas equipes de celebração, cântico, ministros, acólitos e coroinhas. Paróquia de Nossa Senhora da Conceição de São Mamede. A proclamação do Evangelho foi feita pelo padre Bento. Logo em seguida o padre Fabrício fez a homilia.

Em sua homilia o padre refletiu sobre os sinais dos tempos que nos desafiam a uma conversão. O padre destacou que ao invés do fim dos tempos, nós estamos vivendo a plenitude dos tempos. Ressaltou ele que: "nós estamos nessa transição, portanto, é tempo de preparação, é tempo de vigilância, é tempo de conversão, de metanoia, é tempo de mudança de rumos, como diz o profeta, é tepo de aplainar os caminhos, preparar os caminhos, endireitar as veredas, é tempo de endireitar as veredas da sua casa, é tempo de consertar as coisas erradas na sua família é tempo de retificar os equívocos no seu casamento, é tempo de corrigir a sua vida familiar, a sua vida sentimental. é tempo de mudar as macroestruturas sócio-econômico-cultural-político".

A novena prosseguiu com o rito da comunhão, bênção do Santíssimo e  ofertório. Ao final, os fiéis cantaram com muito entusiasmo o hino da padroeira. 

A parte social da festa teve mais uma noite animada com quermesse e música ao vivo na praça Silvino Cabram e frente à Matriz.




:

0 comentários:

Postar um comentário